Opinião • Postado em 08-11-2018

Resistência?

Faissal Calil

/

Resistência?

 Me perguntaram se, agora eleito, participaria da situação ou da oposição.

  Respondi:

-Como me posicionar face a um executivo ainda não empossado? Não aplaudo ou combato pessoas ou grupos apenas por existirem. Apoio ou reprovo atitudes, conforme julgo benéficas ou prejudiciais às instituições, à  democracia ou ao bem-estar social.

 Refletindo, percebo a "moda" da resistência, cuja semântica é o suporte e combate à doença ou inimigo físico, ético ou moral.

Tal significado traz à memória os partisans.  Eram voluntários agrupados na luta por sua pátria, geralmente mal armados e treinados por militares derrotados. Foram heróis históricos na Iugoslávia, Grécia, União Soviética, Bielo Rússia, Letônia, Lituânia, Bulgária, Albãnia, Itália, França e o povo judeu.

 Hoje, vejo o romantismo da resistência sequestrado por correntes partidárias, liderando independentes de me melhorar ideias ou ações. Mas no intuito de atacar a origem quando adversária. E pretendem sistematizar tal comportamento. O efeito público torna-se secundário. O alvo é o poder constituído.

 O objetivo deve ser o Brasil. Contrariar este escopo é o mesmo que ser o passageiro que não gosta do piloto e trabalha para a queda do avião.

 A postura correta é examinar para aperfeiçoar a sociedade, alavancando a Nação e seu povo. E , assim deve ser entendido por críticos e criticados.

 Me identifico com todos unidos sob a mesma bandeira verde-amarela, que NUNCA SERÁ VERMELHA.

Faissal Calil é advogado, ex-vereador por Cuiabá e foi eleito com 20.509 para deputado estadual por Mato Grosso pelo Partido Verde. 

Deixe seu comentário

O MT Mais Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais à terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluidos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido, valorize esse espaço democrático.
Agradecemos a participação!

Seja o primeiro a comentar essa postagem!