Opinião • Postado em 08-03-2019

Juntas podemos mais!

Virginia Mendes

/ Emanuelle Rigoni

Neste 8 de março – Dia Internacional da Mulher -, quero, inicialmente, convidar a todos para olhar e escutar com mais carinho e atenção as mulheres que estão ao seu redor. Isso é algo que deve vir antes de tudo. Diariamente nos deparamos com ocorrências brutais contra elas, que nos fazem refletir sobre o que gera tamanha violência e agressividade nas relações humanas.

A falta de respeito tem alcançado níveis críticos dentro da nossa sociedade, por isso, é preciso aprender a ouvir e respeitar mais as mulheres. E essa prática, que deveria ser diária, pode impactar positivamente tanto no combate de toda qualquer prática de preconceito e violência, como na mudança comportamental, favorecendo o diálogo e a gentileza entre todos.

Para além disto, temos também atuado no fortalecimento das ações de amparo e defesa das mulheres. Há pouco mais de dois meses, demos início, com outras importantes parceiras do Conselho Estadual da Mulher, da Defensoria Pública, da OAB, da Polícia Militar, da Polícia Judiciária Civil, da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania, entre outros órgãos e instituições governamentais, a uma série de tratativas voltadas à proteção e valorização das mulheres.

Dentre elas estão a melhoria dos serviços prestados atualmente pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, com a instalação de um núcleo de atendimento psicossocial, garantindo desta forma um melhor acolhimento às vítimas e auxiliando o rompimento do ciclo da violência em que ela está inserida. Também estamos trabalhando para garantir o funcionamento do plantão 24 horas de atendimento aos casos de violência doméstica e familiar.

Além da Segurança Pública, estamos trabalhando em todas a esfera de governo, tendo como público-alvo, especialmente, as mulheres chefes de família, jovens aprendizes e em situação de vulnerabilidade e risco social. E aproveito para destacar a atuação das nossas secretárias de Estado: Rosamaria de Carvalho (Setasc); Marioneide Angélica Kliemaschewsk (Educação) e Mauren Lazzaretti (Meio Ambiente), que atualmente ocupam cargos de comando no primeiro escalão do Governo.

Buscaremos trabalhar de forma transversal para proporcionar a ascensão e a melhoria da qualidade de vida para as mulheres mato-grossenses.

Aproveito a oportunidade para, desde já, agradecer a todas as homenagens que recebi neste mês dedicado à mulher. Compartilho com todas vocês. Contem comigo para lutarmos lado a lado. Juntas somos mais fortes e podemos mais. E essa força é o que nos fará ir mais longe para alcançarmos uma sociedade onde toda mulher tenha o direito a uma vida cheia de realizações.

Parabéns a todas nós!

Virginia Mendes é mãe, economista, empresária e primeira-dama do Estado de Mato Grosso.

Deixe seu comentário

O MT Mais Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais à terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluidos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido, valorize esse espaço democrático.
Agradecemos a participação!

Seja o primeiro a comentar essa postagem!