POLÍTICA • Postado em 06-02-2019

Romoaldo Júnior assume o sexto mandato na AL

Assessoria

/ Foto: MAURICIO BARBANT

A Assembleia Legislativa deu posse na manhã dessa quarta-feira (6) ao deputado Romoaldo Júnior (MDB), que assumiu pela sexta vez uma vaga na Assembleia Legislativa. O parlamentar, que é da região norte do estado de Mato Grosso, agradeceu a oportunidade dada por seus eleitores com os 18.467 votos  recebidos.

“Estou na política desde a década de 90. O trabalho na Casa continua na mesma linha, pautado nos cuidados com as minorias, assistência social e saúde, levando avanços na reforma agrária e agricultura familiar. Vamos continuar lutando pelo progresso no interior do estado, ajudando o governador Mauro Mendes a buscar investimentos, especialmente para infraestrutura e saúde. Mato Grosso é um gigante que vive imensos problemas e o governo não consegue sozinho, ele precisa da Assembleia, precisa dos deputados. Nós, da bancada do MDB, apoiaremos o governador e a sociedade para o bem-estar e desenvolvimento de Mato Grosso”,  disse o deputado, ao destacar a importância do Parlamento e da harmonia entre o Legislativo e o Executivo para a manutenção da governabilidade.

Em substituição ao deputado Allan Kardec (PDT) que se licenciou para exercer o cargo de secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer, Romoaldo é um dos deputados mais experientes da nova legislatura, composta por 14 novatos. Ele declarou que está à disposição para ajudar os que chegaram a entender o papel do Parlamento, que segundo ele, não se resume em fiscalizar e votar leis.

“O Parlamento tem um papel muito maior para o desenvolvimento do Estado e nós acompanhamos isso há muito tempo. Quando fui deputado pela primeira vez, Mato Grosso tinha 39 municípios, hoje são 141 e todos eles foram criados na Assembleia. Então, quero parabenizar essa juventude que está chegando e ajudar a mostrar a realidade deste gigante que é o nosso estado”, discursou Romoaldo.  

A 1ª vice-presidente, deputada Janaina Riva (MDB), parabenizou o deputado e destacou o seu brilhantismo no trabalho de ação social na Assembleia Legislativa, especialmente para a região Norte. “Ele é um lutador incansável pelas causas sociais. Sempre batalhou para levar verbas para a construção, recuperação e conservação de estradas no Nortão do estado. Levar energia elétrica para produtores rurais. Estou feliz por ele estar assumindo este mandato”, declarou a deputada. 

Em seu 1º mandato, o deputado Thiago Silva (MDB) também parabenizou o companheiro de partido e disse que é fundamental contar com o apoio e a experiência de Romoaldo, principalmente neste momento em que está em trâmite o equilíbrio das contas públicas. “Nós precisamos de deputados que tenham vivido em outros momentos esses debates, para que possamos somar e trabalhar em conjunto para ajudar o Estado”.

Vereadores, lideranças políticas e colaboradores do gabinete do parlamentar marcaram presença na cerimônia de posse. O primeiro encontro entre os parlamentares para uma sessão plenária ordinária, está previsto para a próxima terça-feira (12), a partir das 17 horas, no Plenário das Deliberações Renê Barbour.

MESA DIRETORA 

Deputado Eduardo Botelho (DEM) foi reeleito presidente da Mesa Diretora. Max Russi (PSB), primeiro-secretário; Janaína Riva (MDB), primeira-vice-presidente; João Batista (PROS), segundo vice-presidente; Valdir Barranco (PT), segundo-secretário; Valmir Moretto (PRB) terceiro-secretário; e Paulo Araújo (PP), quarto-secretário. A Mesa Diretora conduzirá a Assembleia em 2019 e 2020.

Novatos

Dos deputados que tomaram posse, 14 deputados foram eleitos e 10 reeleitos em 2018. O MDB é o partido que terá a maior bancada da Casa com três deputados.

Deixe seu comentário

O MT Mais Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais à terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluidos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido, valorize esse espaço democrático.
Agradecemos a participação!

Seja o primeiro a comentar essa postagem!