GERAL • Postado em 30-08-2017

Homem é preso suspeito de estuprar 20 mulheres com falsas promessas de emprego

Patricia Xavier

Da redação

/

A Polícia Civil prendeu um homem de 54 anos, suspeito de ter estuprado 20 mulheres com falsas promessas de emprego, em Cuiabá. O suspeito, Maurício de Campos Teixeira, agia há vários anos atraindo vítimas com falsas propostas de empregos para praticar estupros.

Maurício foi preso nesta segunda-feira (28), no bairro Jardim Independência, na capital. O mandado de prisão foi expedido pela Sexta Vara Criminal de Cuiabá.

O suspeito se diz bacharel em direito. Ele contou que se cadastrou em uma agência de emprego para conseguir contratar uma atendente de telemarketing, pois trabalha com um advogado em um escritório.

No entanto, várias candidatas já relataram que foram estupradas por ele ao receberam falsas propostas de emprego de faxineiras, secretárias e atendentes. Cinco já foram ouvidas na delegacia. A maior parte das vítimas é jovem.

A prisão do suspeito foi em decorrência da investigação de uma ocorrência do dia 19 de julho deste ano, onde uma vítima, de 22 anos, estudante de fisioterapia, denunciou ter sido abusada durante um suposto treinamento para um emprego na área de estética.

De acordo com a delegada Nubya Beatriz Gomes dos Reis, o suspeito negou os crimes em depoimento. Ele foi encaminhado para audiência de custódia e levado para o Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), antigo Presídio do Carumbé.

Deixe seu comentário

O MT Mais Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais à terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluidos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido, valorize esse espaço democrático.
Agradecemos a participação!

Seja o primeiro a comentar essa postagem!

Outras Nesse Tópico