CIDADES • Postado em 21-04-2019

Projeto Taurino Tropical proporciona carne de alta qualidade ao consumidor mato-grossense

Assessoria

/ Rafael Pereira

Foram 12 anos de planejamento e estudos para se chegar aos melhores parceiros e fornecedores de um projeto que promete oferecer a melhor carne bovina que o mato-grossense já experimentou. Estamos falando dos passos finais para se colocar em prática o grande sonho de um empreendedor e amante fiel da carne.

O empresário Jean Clini trouxe para Mato Grosso o conceito internacional de consumo de carnes nobres e se prepara para inaugurar o restaurante Urus Steakhouse e Butcher Shop.

“Quem me conhece sabe que eu sou meticuloso e perfeccionista nos mínimos detalhes. Unimos todas as pontas e aparamos as arestas para apresentar um produto de qualidade e que se diferencie no mercado”, afirma Jean, que é o idealizador e proprietário do restaurante e açougue. O restaurante Urus Steakhouse e Butcher Shop será inaugurado no Shopping 3 Américas.

Jean conta que ao longo desses anos foi preciso estudar muito para compreender o mercado da carne e se relacionar com os profissionais e especialistas certos, que acreditassem nos mesmos ideais: trabalho, dedicação, competência, qualidade e paixão pela carne.

Foi assim, que Jean Clini chegou até o pecuarista e proprietário da Fazenda Arinos, José Neves. A fazenda que fica em Diamantino (MT).

“Mato Grosso é o maior produtor de gado do Brasil e só poderíamos encontrar os melhores aqui. E entre os 10 maiores produtores de Mato Grosso, aquele que nós acreditávamos que teria o perfil de identificação com o nosso projeto foi o José Neves. Fomos in loco, para conferir se o nosso projeto estava compatível com a filosofia de trabalho da fazenda. E a propriedade e os animais do José Neves são de encher os olhos”, destaca Clini.

A fazenda Arinos desenvolve o projeto Taurino Tropical, que é uma raça 100% brasileira. Desconhecido por parte do grande público, a raça vem sendo moldada para surpreender os consumidores mato-grossenses. José Neves já trabalha no melhoramento genético da espécie desde 1987.

O pecuarista investe nas melhores tecnologias e manejos e se adaptou às exigências do restaurante e açougue para atingir uma qualidade de excelência. José Neves conta que as técnicas de criação dos animais proporcionam uma experiência gastronômica única.

“Os indivíduos (animais) são criados em um ambiente natural, com uma alimentação natural, que é complementada com uma suplementação especial. Com isso, esses indivíduos têm um bom desempenho e traduzem para a carne qualidade e sabor, que são sentidos pelo consumidor no momento que ele come a carne”, ressalta Neves.

O Taurino Tropical será um produto exclusivo do restaurante Urus Steakhouse e Butcher Shop.  “Nossa intenção é de aprimorar cada vez mais esses indivíduos, para atender a qualidade Urus, um restaurante singular e que destaca dos demais”, afirma Neves.

O trabalho desenvolvido por José Neves é classificado como privilégio pelo proprietário do restaurante e açougue. “Ele é realmente um produtor com muita vontade. Um produtor que não se preocupa com o valor final da mercadoria, e sim, com a qualidade do que ele está produzindo. E hoje, é muito difícil de encontrar pessoas assim”, salienta Clini.

A prova maior disso é a importância que o pecuarista tem em dar uma sequência para a carne. “Queremos que os clientes sintam como é bom comer uma carne macia e suculenta. Que eles possam comer a carne hoje, amanhã e depois, e ter o mesmo padrão de qualidade, ou melhor”, finaliza o pecuarista.

Mato Grosso é o maior produtor de gado do Brasil. Só em 2017, de acordo com o Instituto Brasileiro de Estatística de Geografia (IBGE), o Estado representou 13,8% da produção nacional. “Nós queremos chamar a atenção para o nosso Estado. Não só como fornecedor de matéria prima como, também, vender um produto final de qualidade muito acima do mercado atual para conquistar os paladares mais exigentes”, afirma o proprietário do restaurante Urus Steakhouse e Butcher Shop, Jean Clini.

 

Deixe seu comentário

O MT Mais Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais à terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluidos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido, valorize esse espaço democrático.
Agradecemos a participação!

Seja o primeiro a comentar essa postagem!