CIDADES • Postado em 15-04-2019

Polícia prende seis pessoas suspeitas de incendiar agência bancária em Cuiabá

Aline Brito

Da redação

/ Reprodução

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta segunda-feira (15), a Operação Falsa Chama, para cumprir seis mandados de prisão contra acusados de participar de um ataque a uma agência bancária, em Cuiabá.

A polícia realizou buscas nas casas dos envolvidos em Cuiabá e Várzea Grande. Uma sétima pessoa ainda é procurada. Os nomes dos presos não foram divulgados.

Segundo a Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), o crime ocorreu no dia 4 de novembro de 2018, quando uma agência, localizada na Avenida Brasil do CPA 2, foi alvo de incêndio criminoso.

O ataque deixou danos materiais, além da suspensão das atividades bancárias, prejudicando inúmeros clientes e usuários dos serviços bancários.

As diligências investigativas demonstraram que, na realidade, o incêndio seria o meio para que os criminosos conseguissem conseguir vantagem indevida, pois diversos envelopes vazios foram depositados para beneficiários que possuem vínculos entre si.

A vantagem, se fosse obtida pelos criminosos chegaria ao valor de R$ 53 mil. Os suspeitos responderão por incêndio majorado, associação criminosa e tentativa de estelionato.

Com o cumprimento das ordens judiciais, os investigados serão interrogados e apresentados à custódia. Os mandados são da 8ª Vara Criminal de Cuiabá. 

Deixe seu comentário

O MT Mais Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais à terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluidos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido, valorize esse espaço democrático.
Agradecemos a participação!

Seja o primeiro a comentar essa postagem!